Covas tem acúmulo de liquido nos pulmões e fica sem previsão de alta médica

Publicado em: 21/04/2021 | 14h50

Nathália Mello, Do G7 On

O Prefeito de São Paulo Bruno Covas, segue internado no Hospital Sírio-Libanês e sem previsão de alta.
Nesta quarta-feira, os Médicos do Prefeito informaram que ele sofreu um quadro de acúmulo de líquidos nos pulmões e no abdome.
O tipo de reação é esperada em pacientes com câncer no fígado como o caso de Covas.

Ele se internou na semana passada quando descobriu novas metastases de seu tumor no trato digestivo, contra qual luta desde 2019.
O político de 39 anos, ficou internado no final de semana para sessões de quimioterapia e imunoterapia, afim de combater a doença.
Agora apresentou essas novas sequelas que o impedem de deixar a unidade de saúde.

Covas respira bem, e está com um dreno de tórax para que drene o líquido acumulado.
Seus médicos concederam uma entrevista coletiva no começo da tarde de hoje, para falar sobre seu tratamento.
Nesse momento não há previsão de alta para o Prefeito, nem de afastamento de suas atividades.
Bruno Covas segue despachando do hospital.